As 5 praias cristalinas de Alagoas

12:15

Quem disse que é preciso cruzar o continente para se encanta com os tons azuis clarinhos da água? Melhor ainda quando a água, de tão cristalina, deixa ver os pés na areia mar adentro, não é mesmo? As águas cristalinas deixam qualquer destino com um clima meio paradisíaco.
Se você nunca foi a um lugar assim, saiba que em Alagoas é possível encontrar águas praticamente transparentes.

01. Praia do Antunes – Maragogi
Maragogi é ideal para mergulho, feito em águas calmas, mornas e cristalinas, onde se observam corais e até barcos naufragados. Na praia do Antunes, o visual paradisíaco e cenográfico parece até que saiu de um filme. Na maré baixa, bancos de areia se formam no mar de águas quentes e calmas, facilitando o acesso até as piscinas naturais. O pôr do sol é imperdível.

02. Praia do Toque – São Miguel dos Milagres
Os casais descobriram São Miguel dos Milagres e não largam mais. Destino típico para Lua de Mel, a cidade tem tudo para tornar a viagem romântica: pousadas aconchegantes, restaurantes românticos e praias selvagens. É o caso da Praia do Toque, que reúne tudo isso num só lugar, com a vantagem de ter lindas piscinas naturais em suas águas mornas e cristalinas durante a maré baixa. E ah! O jornal inglês The Guardian a colocou como a terceira mais bonita do Brasil em uma de suas publicações.
Foto Anthony Gusmão
03. Praia do Francês – Marechal Deodoro
O que acho incrível nessa praia, é que não importa a profundidade, você vai conseguir ver seu pé na areia! A apenas 30 km de Maceió, o destino de Marechal Deodoro faz sucesso por conta da praia do Francês. Longe de prédios, o lugar atrai muitos turistas que vão em busca de piscinas naturais e de ondas ideais para surfistas.
Praia do Francês
04. Galés de Paripueira
É em Paripueira que começa uma barreira de corais que segue até Pernambuco. A região é conhecida pela variedade de espécies marinhas, com destaque para a preservação de peixes-boi, e por seus galés, semelhantes aos de Maragogi. Ao todo, conta com mais de 20 piscinas naturais, muito transparentes e azuis. O traslado é feito em lanchas e dura cerca de duas horas.
Foto Jorge Menezes
05. Praia do Laje  – Porto de Pedras
Parte da chamada Rota Ecológica, em suas águas mornas e cristalinas se formam arrecifes e piscinas naturais durante a maré baixa. O acesso é fácil, mas mesmo assim ela continua deserta, garantindo tranquilidade aos visitantes. É preciso levar comida, bebida, sacolinha de lixo e o que mais achar necessário para passar o dia longe do estresse.

Você pode gostar também

2 comentários. Clique aqui para comentar também!

Postagens Recentes

Roteiros

Quando viajar para Maceió?

O período mais aconselhável para aproveitar as maravilhas de Maceió é de janeiro a março e de agosto a dezembro, quando as águas são mais c...