quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Paripueira

11:14
Tão pertinho de Maceió (28 km) já é possível começar a deixar para trás o estresse dos grandes centros. O município de Paripueira faz parte da APA Costa Dos Corais e tem o parque municipal marinho como o primeiro do Brasil.
Piscinas Naturais de Paripueira (Foto Sedetur / Jorge Menezes)
Em tupi, paripueira significa "águas mansas", o que já indica o que o município abriga um balneário de águas mansas, mornas e cristalinas. Três belas praias integram a região: Costa Brava, Sonho Verde e Paripueira, sendo as duas últimas as mais procuradas.
(Foto Sedetur / Jorge Menezes)
Paripueira também é área da preservação do peixe-boi e também a região onde começam os bancos de corais que vão até o estado de Pernambuco. Possui as grandes piscinas naturais mais próximas de Maceió, são as mais de 20 piscinas, consideradas as mais preservadas de Alagoas, onde é possível presenciar uma grande variedade de peixes, corais e outras espécies marinhas.
(Foto Sedetur / Jorge Menezes)
A visitação às piscinas têm várias características em comum com as Galés de Maragogi, então quem não tem como ir para as piscinas naturais de Maragogi, vá para as de Paripueira, conhecida também como "Paris Pueira", pelos maceioenses.
(Foto Sedetur / Jorge Menezes)
O passeio até o local só é possível na maré baixa e pode ser realizado com os guias que oferecem o passeio na praia ou em restaurantes da região, que também dá a opção de mergulho com cilindro, além da presença de um biólogo e de um fotógrafo, que comercializa um DVD com suas fotos subaquáticas.
(Foto Sedetur / Jorge Menezes)

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Parque Municipal de Maceió

07:44
Maceió tem mil e uma belezas naturais, e sem sombra de dúvidas uma delas é o nosso Parque Municipal de Maceió, uma pedida para os turistas que visitam a capital do Estado de Alagoas, um local onde o equilíbrio da natureza se une ao equilíbrio do corpo e alma. É também uma ótima oportunidade também para quem reside na cidade, afinal, poucos maceioenses conhecem a existência do Parque, localizado na Rua Marquês de Abrantes, s/n, Bebedouro, a unidade de conservação fica aberta ao público de terça-feira a domingo, das 8h às 17h. Com exceção da segunda-feira, que é dedicada à limpeza.
Trilha (Foto: Marco Antônio/SECOM)
O parque é uma área de preservação com segurança para os animais e de Mata Atlântica, conscientizando que o cuidado e a preservação ambiental é um dever de todos!
Totem do Parque (Foto Gustavo Corado/Ascom Sempma)
O Parque Municipal de Maceió, inaugurado em 1978 tem cerca de 82, 4 hectares de área. No local, a fauna faz valer a diversidade biológica, e o visitante poderá ter o prazer de avistar Jacarés-de-papo-amarelo, Frangos d’água, Raposas, Preguiças, Tatus Bola, Cágados de Barbicha, Saguins, Gaviões Falcões, Corujas, Tamanduás Mirim, uma variedade de cobras, além de outros animais.
Bicho Preguiça (Foto Marco Antônio/Secom Maceió)
Um dos destaques da biodiversidade do parque são as 120 espécies de aves, incluindo algumas raridades, como o belíssimo udu-de-coroa-azul-do-nordeste (Momotus momota marcgraviana) , que só ocorre em Alagoas e Pernambuco, e o endêmico gavião-de-pescoço-branco, um dos mais raros do mundo, que está na lista de espécies criticamente ameaçadas da Birdlife International. A população atual da ave é estimada em apenas 50 exemplares.
Pintor-sete-cores, que espalha sementes pelo topo das florestas. (Foto Sergio Leal)
A União entre natureza e atividades físicas é muito bem-vinda aqui no parque.
Slackline Maceió, Guilherme Netter., no Parque Municipal (Foto Marco Antônio/Secom Maceió)
O local conta com cinco trilhas curtas acessíveis ao público: Trilha Cidadã, Trilha da Aventura, Trilha da Paz, Trilha do Pau Brasil e Trilha do Jacaré. Na trilha das nascentes, é possível observar e beber a água do próprio solo.
Nascente (Foto Marco Antônio/SECOM)
O Parque é monitorado 24 horas por guardas municipais e fiscais ambientais que percorrem as trilhas, então pode ficar tranquilo, o local é seguro! Ao entrar na Unidade de Conservação Animal, o visitante é cadastrado pelo RG e CPF, recebe pulseira identificadora, além de ser acompanhado por guardas quando solicitados.
Foto: Marco Antônio/SECOM
Contato
Para visitas monitoradas ou em grupo é necessário um agendamento prévio pelo e-mail agendaparquemunicipal@gmail.com ou telefone 82 3358-6232.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Vamos conhecer a orla de Maceió pedalando?

10:17
Que tal trocar os engarrafamentos e buzinas das ruas por pedaladas na orla e, com isso, promover a atividade física e conhecer Maceió pela ciclovia da Praia do Pontal da Barra até a Praia da Jatiúca?
Foto Divulgação (Prefeitura de Maceió)
A empresa Pedala Maceió possui quatro estações de aluguel de bicicletas e triciclos, um na Praia da Pajuçara, outro na Jatiúca, um terceiro na Ponta Verde e um último no Porto de Maceió, que será utilizado somente no período de temporada dos cruzeiros na cidade. Com um total de 90 veículos à disposição do público, funcionara das 6h às 22h.
Foto Wesley Menegari
Antes de pedalar, é preciso fazer um rápido cadastro, sendo necessário um documento com foto. Sem ele, nada feito! Os preços, por uma hora de pedalada, variam entre R$ 8,00 e R$ 16,00, um tanto quanto ‘salgados’. Até as 16h, há um desconto especial. É possível colocar até oito pessoas da sua família para andar juntas, numa só bicicleta!
Foto Ritz Lagoa da Anta

Contatos; 
Site: www.pedalamaceio.com.br
Telefone: (82) 9306-9415 (82) 9302-4095
E-mail: Pedalamaceio@gmail.com
Tabela de Preços:

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Rio Niquim e Cachoeira da Geladeira

11:00
Quem disse que a Barra é só praia? No município da Barra de São Miguel, no litoral sul, há outras vertentes, como o Rio Niquim. Apesar de ser curto em extensão, o rio é um dos balneários mais procurados por turistas.
Foto Lugar Perfeito
Seguindo para perto da nascente do rio, localizada a uns 15km da Barra de São Miguel em direção a São Miguel dos Campos, fica a famosa Cachoeira da Geladeira, também conhecida como Cachoeira Aguá Fria, devido a sua água bem gelada.
Foto Lugar Perfeito
A cachoeira de rocha calcária se exibe com água totalmente cristalina e refrescante. Uma das quedas d'águas é praticamente uma banheira de hidromassagem particular, totalmente natural, cercada por vegetação.
Foto Lugar Perfeito
Como chegar na cachoeira?
Essa cachoeira localiza-se a uns 15km da Barra de São Miguel em direção a São Miguel dos Campos, A entrada fica na frente de umas caixas d'águas suspensas na frente de um sítio do outro lado da pista.


Contato para passeio com guia:
E-Mail: contato.grupobrasil@outlook.com
Telefone: (82) 98807-6968 (WhatsApp) - DANIEL BRASIL

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Praia de Garça Torta

12:54
A aproximadamente 12 km do centro de Maceió, margeando a estrada que conduz ao norte do Estado, fica uma das praias mais belas, desertas e pouco exploradas da capital.
Foto Sedetur (Tend Criativa)
A praia de Garça Torta possui areias finas, coqueirais e águas esverdeadas. Com piscinas naturais na maré baixa e recifes, a praia possui bares e restaurantes rústicos na orla com chuveiros.
Foto Sedetur (Tend Criativa)
É vista como uma boa opção para todos os públicos, sendo frequentada por mutos jovens. Quase não há movimento na Garça, ideal para caminhadas, banho e pesca! O número de bares na praia é bem reduzido, porém, a recepção é das melhores. Dando destaques para os bares: Milk Beach Pub (Para quem curte uma atmosfera mais alternativa), Bar do CarlinhosArri Praia!
Foto Sedetur (Tend Criativa)
Como chegar: Garça Torta fica a apenas 10 km ao norte da orla urbana de Maceió. Saindo pela beira-mar da Jatiúca, você vai naturalmente chegar na AL-101 Norte. Garça Torta é o primeiro vilarejo passando a praia da Guaxuma. Entre na rua do restaurante Lua Cheia e siga em frente!

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Ilha Carlito

10:41
Localizado no Litoral Sul, a Ilha Carlito fica na Lagoa Mundaú e é umas das ilhas mencionadas no passeio turístico das 9 ilhas.
O ponto de partida para o passeio das nove ilhas é no Bairro do Pontal da Barra, às margens da lagoa Mundaú. Com saída todos os dias às 9h30 e às 13h30, possui uma duração de quatro horas, com duas paradas, sendo uma delas na praia e outra na Ilha Carlito. O valor desse passeio é de 40 reais por pessoa, sem almoço e 60 reais com almoço, incluindo a entrada na ilha.
Durante o trajeto, enquanto se degusta delícias da terra, há vegetação de manguezais, vilas de pescadores e rendeiras, restingas e até algumas praias isoladas! Quem optar em fazer o passeio pela manhã, almoça quando volta nos restaurantes à margem da lagoa. Já quem optar pela tarde, almoça antes e tem o privilégio de, no retorno, vislumbrar um maravilhoso pôr do sol.
Embora o arquipélago seja composto por 9 ilhas, 8 delas são rodeadas por bancos de areia e mangues, o que impossibilita o acesso de embarcações. Apenas a Ilha Carlito oferece condições adequadas para recepcionar nossos turistas como: banheiros, bares, restaurante, piscina, salão de jogos, música, passeio ecológico e banana boat (na temporada de verão).
A Ilha do Carlito fica a 15 minutos de centro de Maceió, localizada em Marechal Deodoro, e possui uma historia muito interessante, que antes era chamada de Ilha do Irineu. Seu Irineu era um velho pescador da região e ganhou fama nacional por ser casado com três mulheres, as três ainda por cima, eram irmãs. Ele chegou a ter sua história contada em grandes emissoras de televisão e recebeu por muito tempo propostas milionárias de vender a Ilha. Mas parece que acabou vendendo por muito menos, para conseguir dinheiro para tratar de um problema no coração, e depois, acabou morrendo.

Ponto de partida: Bairro do Pontal da Barra.
Quando ir: Qualquer dia da semana. Os passeios saem 09h30 e 13h30.
Quanto custa: 40 reais por pessoa, sem almoço e 60 reais com almoço.
Petiscos do bar flutuante: variam de R$ 2,00 a R$ 20,00.
Site/Contato: www.ilhadocarlito.com

sábado, 10 de setembro de 2016

5 coisas que você precisa saber antes de ir à Alagoas

12:48
Quando alguns turistas vem visitar Alagoas pela primeira vez, pensam que o destino é apenas praias de águas cristalinas e quentes, mas acaba se enganando, nosso estado vai muito além disso. Por isto decidi compartilhar algumas coisas com vocês que, com certeza, vão tornar suas viagens muito melhores.
Foto João Schwartz
1- Receptividade
Aqui, a sensação também vem da recepção do nosso povo, alagoanos são muito amorosos, receptivos e atenciosos! Sempre de braços abertos, abrem as portas pra quem chega como quem espera um grande amigo, um amor ou algum familiar!

2- Destino Gourmet
A gastronomia alagoana já virou um produto turístico, só de olhar, dá água na boca! Sendo destaque como uma das melhores do Nordeste, a base da culinária alagoana é, essencialmente, composta por frutos do mar, rios e lagoas.
Vista da Lagoa do Mundaú no Pontal da Barra - Foto Wesley Menegari
3- Segunda maior barreira de corais do mundo.
O Litoral Norte de Alagoas, conhecido como Costa dos Corais, possui a segunda maior barreira de corais do mundo, perdendo apenas para Austrália. São 130 km realçados pelo verde dos coqueiros e o azul intenso do mar.
Praia do Marceneiro, na Rota Ecológica - Foto Eduardo Vessoni
4- Verão o ano todo
Aqui não tem tempo ruim! O sol constante faz de Alagoas seu destino ideal durante todos os meses do ano.
Praia de Ipioca - Foto Wesley Menegari
5- História
A arquitetura rica em detalhes e os prédios erguidos no passado, que guardam memórias, como o bairro histórico de Jaraguá, centro histórico de Marechal Deodoro, Penedo. Quilombo dos Palmares, símbolo de resistência negra, entre outros!
Bairro Jaraguá - Foto Wesley Menegari
Quanto mais você souber sobre seu destino, melhor a experiência que você terá. Essas pequenas informações fazem a maior diferença na sua viagem! Espero ter contribuído um pouco.

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

6 praias que você não deve deixar de conhecer em Alagoas!

11:58
Nosso litoral é um dos mais ricos do Brasil em relação às praias. Alagoas possui a segunda maior barreira de corais do mundo. Um dos destinos mais procurados pelos turistas, é conhecido por ter um clima agradável e ensolarado durante todo o ano.
Vamos combinar que foi difícil escolher apenas 6, pois Alagoas é repleta de praias maravilhosas, porém, consegui separar 6 praias que você não deve deixar de conhecer.

Praia do Toque
Localizada no município de São Miguel dos Milagres (Litoral Norte), a cerca de 2 horas de Maceió, tranquilidade e charme são os grandes atrativos da Praia do Toque. A Praia se destaca pelas pousadas de luxo. (Saiba mais clicando aqui)
Foto Alex Uchoa
Praia do Gunga
A Praia do Gunga é um verdadeiro paraíso em terras alagoanas, mais precisamente no município de Roteiro, um cartão-postal localizado a 35 quilômetros de Maceió. Não é em vão que a praia encabeça a lista das 10 praias mais bonitas do Brasil e é um dos destinos favoritos dos moradores da capital. (Saiba mais clicando aqui)
Foto Wesley Menegari
Maragogi
Sem dúvidas uma das praias mais conhecida de Alagoas. Todos querem conhecer as maravilhas desse lugar de águas cristalinas, conhecido como Caribe Brasileiro. (Saiba mais clicando aqui)
Praia do Carro Quebrado
A famosa Praia do Carro Quebrado possui um cenário exótico, encravado em vastos coqueirais e esculturais falésias. Não é atoa que a praia está entre as seis praias mais desertas e bonitas do Brasil. (Saiba mais clicando aqui)
Foto Sedetur / Eduardo Vaz
Praia do Francês
A Praia do Francês é uma das mais famosas do estado e pode ser conhecida em um bate e volta. Localizada em Marechal Deodoro no litoral sul de Alagoas, fica apenas 25 quilômetros de Maceió. (Saiba mais clicando aqui)
Foto Wesley Menegari
Praia de Ipioca
Na minha opinião, a praia de Ipioca é a mais bonita da capital de Alagoas (Maceió). Fica no sentido litoral norte, a 22Km da orla de Maceió. Considerada por muitos como um pequeno paraíso, mar cristalino azul esverdeado, de águas quentes, essa bela praia é conhecida por sua tranquilidade e clima agradável. (Saiba mais clicando aqui)

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Cinturão Verde

09:10
Situado na Avenida Assis Chateaubriand, bairro Pontal da Barra, entre o Oceano Atlântico e a Lagoa Mundaú, o cinturão é um parque ecológico de preservação ambiental apoiados pela Braskem de recuperação de área degradada, pioneiro no país.
Na Estação Ambiental existem 400 animais de diversas espécies, dentre eles, Macaco Prego, Jacaré de Papo Amarelo, Pavão, Bicho Preguiça, Cotia, Ema, Tucanos, Raposas, Gavião, Pica-Pau, etc. E um lindo lago (Lago dos Macacos).
Ideal para famílias e crianças, o parque oferece trilhas curtas que proporcionam a vista para árvores como pau-brasil, ipê-amarelo e roxo, sucupira branca, craibeira (a árvore símbolo do Alagoas) e a belíssima Ficus Benjamin, que atinge uma altura imensa!
O local também possui guarita, centro de atividades, área de apoio, centro de treinamento e viveiros de mudas. Pode-se contar também com acompanhamento de estagiários na área e agrônomo, que dão todas as explicações sobre o local e contam várias curiosidades.

O parque fica aberto de Segunda à Sexta, das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h. A entrada para o Cinturão Verde da Braskem é gratuita, mas é preciso agendar a visita com 15 dias de antecedência pelo site da própria empresa.

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Japaratinga

07:26
Localizado no Litoral Norte a aproximadamente 121 km de Maceió e a 135 km de Recife, conta com um importante pólo turístico e possui uma excelente infra-estrutura com bares a beira mar, restaurantes, hotéis e pousadas de charme, que fazem o diferencial na qualidade dos serviços.
Foto Sedetur (Tend Criativa)
Com seus 15 km de praias com águas mornas, claras e calmas, emolduradas por falésias e coqueiros, Japaratinga, é a porta de entrada para a Rota Ecológica de Alagoas.
Vista aérea de Japaratinga, um dos municípios da Costa dos Corais, em Alagoas (foto: Luis Eduardo Vaz / Divulgação)
Japaratinga tem uma atmosfera paradisíaca que encanta. Sua divisão se dá em 5 praias. A primeira, que dá nome a cidade, é onde se encontra a melhor estrutura, com mar calmo e barreira de recifes. Quando a maré está baixa, dá para caminhar mais de 100 metros mar adentro.
Vista de uma das praias de Japaratinga, município da Costa dos Corais, em Alagoas (Foto: Luis Eduardo Vaz / Divulgação)
Saindo da cidade para as outras praias, passa-se por belas falésias e chega-se a Praia de Bitingui, a mais reservada, rodeada por coqueiros. O mar é clarinho e na maré baixa quando se formam bancos de areias, ficam perfeitos para caminhadas.
Mirante de Japaratinga - Foto Sedetur (Tend Criativa) 
Logo depois vêm as Praia de Barreiras do Boqueirão com suas fontes de água mineral e agradáveis bares e restaurantes, abriga vila de pescadores. A paisagem é incrementada ainda por inusitadas falésias coloridas que chegam a 20 metros de altura.
Vista de uma das praias de Japaratinga, município da Costa dos Corais, em Alagoas - Foto Sedetur (Tend Criativa)
A seguir vem a Praia do Boqueirão, a mais deserta, com seus densos coqueirais, areias brancas e muita tranquilidade. O mar calmo completa o visual do paraíso.
Vista da Pousada do Alto - Foto Divulgação - Sedetur
O quinto trecho é a Praia do Pontal, um encontro do mar com o Rio Manguaba. É ali que se toma a balsa para atravessar para a vizinha Porto de Pedras.
Vista de uma das praias de Japaratinga, município da Costa dos Corais, em Alagoas - Foto Sedetur (Tend Criativa)
Japaratinga é meio que ofuscada por suas vizinhas famosas. Como fica a apenas 10km de Maragogi, muito gente nem toma conhecimento de sua existência. Mas não se engane! A cidade não deixa nada a desejar. Mas vale lembrar que Japaratinga não possui um centrinho bonitinho, com inúmeras lojinhas, restaurantes e bares. Japaratinga não tem tudo disso! Ah, vale lembrar também que o artesanato típico da cidade são confeccionados com a palha do coqueiro.
Vista de uma das praias de Japaratinga, município da Costa dos Corais, em Alagoas - Foto Sedetur (Tend Criativa)
Como chegar?
Não existe transporte público ligando as 2 cidades. O aconselhável é pegar um ônibus de Maceió até Porto Calvo (20km de Japaratinga) ou até Maragogi (10km à frente). Por isso, a melhor opção é alugar um carro em Maceió, não apenas para ir até lá, mas para conhecer bem todas as belas praias da região. Partindo de Maceió, é só pegar a AL-101 Norte até o destino. Outra opção é seguir pela Al-101 Norte até São Luís do Quitunde. Daí em diante seguir pela Rota Ecológica (AL-436), passando pelos municípios de Passo de camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras, em cuja margem toma-se uma balsa para atravessar o Rio Manguaba. Na outra margem já é Japaratinga.

Partindo do Recife, segue-se pela BR-101 Sul até a cidade do Cabo. Daí, pela PE-60 até São José da Coroa Grande, na divisa com Alagoas. Após a divisa começa Maragogi, siga em frente pela AL-101 Norte até Japaratinga.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

82 9 8172-9739 (WhatsApp)

E-mail: maceioalagoasoficial@hotmail.com

Recente Post

recentposts

Seguidores